terça-feira, 19 de julho de 2011

Sonho meu... sonho meu


Vespa, sua linda!

Visitando uma cidade bem aconchegante com belezas bem peculiares, me deparei com um museu do automóvel. E tcharan... encontrei uma pequena notável que faz parte dos meus sonhos de consumo. Além de charmozinha é bem elegante! E aí... vermelha então! Foi extamente isso que eu encontrai nesse final de semana, Vespa Rally VERMELHA produção!! Of course, babei muito!

Vou contar rapidamente (NOT) sobre esse meio de transporte dos sonhos de muitas pessoas. Vencomeego!

O mais europeu de todos os veículos de duas rodas nasceu na Itália para ser barato, econômico, robusto e, claro, charmoso e elegante. A VESPA marcou uma época e poucos veículos, de duas ou quatro rodas, atingiram os patamares de vendas e a notoriedade mundial que ela alcançou. Era utilizada por pobres e ricos, tornou-se cultura nas mãos dos atores americanos.

A primeira Vespa foi produzida em 1946 e transformou-se num sucesso imediato. Este primeiro modelo ainda é hoje produzido em larga escala. O seu design eterno foi o que fez a Vespa ter a popularidade que tem em todo o mundo. Muitos modelos foram produzidos com pequenas diferenças, mas visíveis. Os tamanhos do motor variaram de 50-200cc. A Vespa é desenhada e produzida pela Piaggio na Itália. A Piaggio participou em muitos mais projetos além da sua famosa linha scooter.

O sucesso da Vespa é um fenômeno que nunca será repetido. No final do ano 1949, 35.000 unidades tinham sido produzidas - A Itália estava a recuperar as suas feridas da guerra e a começar a reparar nas Vespas. Nos primeiros dez anos, um milhão de unidades foram produzidas. Pelos meados dos anos 50, a Vespa era prod
uzida na Alemanha, Inglaterra, França, Bélgica, Espanha e, naturalmente, na Itália. E somente alguns anos mais tarde, a produção foi iniciada na India e na Indonésia também.

A Vespa não é só uma scooter. É um dos grandes ícones de estilo e elegância italianos, e com as mais de 16 milhões de unidades produzidas, é um estilo bem conhecido em todo o mundo. A Vespa não é, no entanto, apenas um fenômeno comercial, mas teve um significativo impacto social também. Durante os anos "Dolce Vita", a "Vespa" tornou-se sinônimo de "scooter"; os jornalistas estrangeiros descreveram a Itália como "o país
Vespa", e o papel importante que a Vespa teve na sociedade italiana foi demonstrado pela sua aparência nas dezenas de filmes.
Vamos admirar esse ícone mundial??




 

Beijos!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário